FÓRUM PIAUIENSE DE CONVIVÊNCIA COM O SEMIÁRIDO REALIZA ENCONTRO COM MORADORES DE ASSUNÇÃO DO PIAUÍ. Acompanhe!

Atendendo a “voz do povo que clama no deserto” de Assunção do Piauí, 281km de Teresina, o Fórum Piauiense de Convivência com o Semiárido (FPCS) se fez representar através do Comunicador Joelson Vieira, que é Coordenador do Centro de Formação de Convivência com o Semiárido (CEFESA), em um encontro com famílias que moram e trabalham permanentemente na Comunidade Queixada, zona do município.

 

O encontro aconteceu na manhã do ultimo sábado (17/outubro), na Comunidade Queixada, zona rural, distante 30 km da sede do município de Assunção do Piauí(PI). O evento foi promovido pelo Sindicato dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras de Assunção do Piauí (STTR) e teve como objetivo realizar um levantamento das famílias do município que necessitam de tecnologias do programa de cisternas e outras políticas sociais.

 

O Presidente do STTR de Assunção do Piauí Caetano Silva fez a abertura do encontro e falou sobre a situação do quadro de cisternas no município, com vista as que foram construídas e as a que falta construir e, em seguida passou a fala a Joelson Vieira que fez uma breve apresentação sobre a atuação do Fórum e da Articulação de Convivência com o Semiárido Brasileiro (ASA), a relação entre a ASA e Governo Federal e convidou a comunidade para um ato público que a ASA estará realizando no dia 17 de novembro de 2015 na cidade de Petrolina(PE), no sentido de chamar a atenção das autoridades para a liberação de recursos para construção de novas tecnologias no semiárido, “- vamos fazer um grande ato público em favor do povo do semiárido, queremos a liberação de recursos para dar continuidade ao programa de cisternas.” falou Joelson, convidando o município a participar.

 

Ao todo, são 500 cisternas (16 mil litros) construídas no município e, ainda existe uma demanda para mais 200 cisternas. A ultima obra de construção de cisternas pequenas realizada no município pela ASA foi em 2009 e pelo Governo do Estado (Prefeitura) foi em 2012, daí para cá tem aumentado bastante a demanda. Nesta comunidade Queixada, onde ocorreu o encontro, são mais de 20 famílias e somente 6 famílias são beneficiadas com cisternas, e o poço mais próximo fica a 20 km da comunidade.  

 

Participaram, também, do evento a Diretora de Política Agrícola e Agrária do STTR de Assunção do Piauí Francisca Maria Soares (Maria Preta), Agente de Campo do CEFESA Edmilson Rodrigues e o historiador e dono de museu em Castelo do Piauí Francisco Tito. O evento terminou com um almoço na casa de seu Eduardo e família.

 

 

Fonte/Foto: Caetano Silva

Edição: Assunç@olivre

Publicação: 19/10/2015 07h45m

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!