FUMAÇA SAINDO DA SERRA DO PURGATÓRIO ASSUSTA ASSUNÇÃO DO PIAUÍ

Fumaça saindo da Serra do Purgatório assusta Assunção do Piauí

Um vapor semelhante ao liberado por uma panela de pressão vem intrigando as famílias da comunidade Brejinho, a 4Km do município de Assunção do Piauí, ao Norte do Estado, 881 quilometros. O vapor que tem cheiro de enxofre sai de dentro de uma loca na base da Serra Purgatório, que faz parte de um complexo de serra e morros existente na região.

Segundo o presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Assunção, Caetano Silva, o fenômeno começou em outubro e gradativamente foi aumentando. Ele conta que na rocha por onde saia o vapor fica empregnado uma espécie de óleo de coloração avermelhada mais não tem nenhum cheiro característico.

Caetano revelou ainda que tem observado que em outros pontos têm surgido pequenos foco de vapor . “A comunidade está muito assustada, tem gente que não dorme mais com medo que haja alguma explosão”, assegura, informando ainda que vez por outro se escuta no povoado estrondos parecendo explosão de bomba vindo do complexo do “purgatório”. “Último dia que ouvimos esse estrondo foi domingo passado”.

Preocupado, Caetano comunicou na CPRM –Serviço Geográfico Brasileiro, em Teresina onde narrou o fato aos técnicos do órgão que ficaram de investigar o acontecido desde que o município envie um ofício ao órgão.  

A preocupação do trabalhador rural agora está maior vez que o fato se espalhou por toda a região e vem ocorrendo uma verdadeira perigrinação. “São mais de cem pessoas por dia que passam por aqui para ver o vapor”, diz e acrescenta que os mais curiosos chegam a “mergulhar” no vapor, na intenção de identificar o cheiro.

Ainda de acordo com Caetano, os boatos mais comuns entre os curiosos é que se trata de um vulcão, devido ser ali uma região de rochedos, relativamente próxima a Sobral no Ceará onde já houve vários tremores de terra.

Outra preocupação dos moradores é a falta de chuva que levam acreditar está havendo um aquecimento maior das rochas. Segundo Silva, chove em média no ano em Assunção, 320mm, mais este ano não chover 60mm. “ como a água da região está próxima da superficie, acredito  que a fumaça seja consequencia do clima. “Tem gente muito assustada por aqui, querendo que as autoridades venham logo para nos dizer o que está acontecendo pois temem por suas vidas, diz.

Ainda de acordo com Caetano, os boatos mais comuns entre os curiosos é que se trata de um vulcão, devido ser ali uma região de rochedos, relativamente próxima a Sobral no Ceará onde já houve vários tremores de terra. (Tânia Martins).


Leia mais: www.piauisempreverde.com.br

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!